A Fundação tem como missão apoiar a formação humana e cultural nas suas diversas dimensões

A Fundação foi constituída em 1986 por testamento da sua benemérita (Dª Maria Antónia Barreiro) “sem quaisquer fins lucrativos e tendo um objeto de exclusivo interesse social” (Estatutos FMAB, Artigo 1º).

Tem estatuto de utilidade pública reconhecido no Despacho n.º 3295/2013 do Diário da República. 

“Tem por fim a prestação de meios materiais postos ao serviço de atividades de apoio de formação humana e cultural nas suas diversas dimensões, quer abranjam estudantes, trabalhadores ou outra categoria de interessados, pessoas carenciadas de cuidados de saúde, idosos, quer tais atividades se exerçam em edifícios da Fundação quer em instalações de terceiros, podendo ela criar, manter e gerir estabelecimentos ordenados aos seus fins ou colaborar com outras entidades” (Estatutos FMAB, Artigo 2º).